Aumento das tarifas do MetrôRio foi suspenso por 30 dias

761

O reajuste das tarifas do Metrô no Rio foi suspenso por 30 dias. A decisão foi tomada pelo governo do Estado e a concessionária que administra esse transporte no Rio de Janeiro. assim, a tarifa vai ser mantida em R$ 4,60, por causa da crise decorrente dos efeitos da disseminação do novo coronavírus, especialmente, os problemas sociais.

+ Aposta de Brasília ganha R$ 9,4 milhões sozinha da Quina; veja os números do concurso 5234
+ 70 estabelecimentos foram flagrados pela polícia após toque de recolher em Campo Grande
+ Prior, Manu e Mari estão no 10º paredão do BBB 20 , quem deve sair?

O aumento que levaria a tarifa a R$ 5, foi homologado no dia 28 de fevereiro pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro (Agetransp). A nova tarifa entraria em vigor a partir de amanhã (2/4).

Segundo o governo estadual, o reajuste foi homologado em sessão regulatória, como determina o contrato de concessão com a MetrôRio, que prevê reajuste anual baseado no Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), da Fundação Getúlio Vargas. Para chegar ao valor de R$ 5 foi considerada a variação do índice que entre janeiro de 2019 e janeiro de 2020, ficou em 7,808%.