Ex-mulher de Pastor Lucas revela “Ele me traiu com a Tati Moreto. Eu tenho provas”

4375
Ex-mulher de Pastor Lucas revela "Ele me traiu com a Tati Moreto. Eu tenho provas". Foto: Reprodução Instagram
Ex-mulher de Pastor Lucas revela “Ele me traiu com a Tati Moreto. Eu tenho provas”. Foto: Reprodução Instagram

Thaisa Rahmé, a ex-mulher do Pastor Lucas, decidiu quebrar o silêncio após o romance assumido pelo religioso com a influenciadora Tati Moreto.

+ Segundo colunista, nudes do pastor Lucas vazaram na internet
+ Mulher desaparecida é encontrada dentro de cobra píton de 7 metros
+ Juju Salimeni posa de micro-biquíni em cenário paradisíaco da Bahia
+ Simaria posa com roupão de crochê aberto e faz a alegria de fãs

Em entrevista a coluna a Fábia Oliveira do IG, a ex-mulher de Pastor Lucas revelou que descobriu recentemente ter sido traída pelo agora casal.

“Eu não a conheço, mas, hoje eu tenho certeza que ele me traiu com a Tati Moreto. Eu tenho provas. Eles anunciaram que se conheceram em janeiro e começaram a namorar em fevereiro. Mas eles se falaram na véspera do Natal, no dia 26 de dezembro e entre os dias 12 e 13 de janeiro. Enquanto Lucas me dizia que estava em São Paulo gravando programas na Record, na verdade, ele estava em Atibaia, cidade em que ela mora. Como eu sei? Eu puxei o histórico da conta de telefone e do passe livre do automóvel dele. Poderia ter ido mais a fundo nessas pesquisas, mas parei para não sofrer tanto como eu já sofri antes”, revelou Thaisa.

Ainda segundo Thaisa, Lucas saiu de casa definitivamente no dia 31 de janeiro e em meado de março o divórcio foi assinado. “Vi uma entrevista que ela me acusa de ter ficado com tudo. Isso não é verdade. Nós construímos uma casa há um ano em cima de um terreno que está alienado em 140 parcelas. A casa está pronta em cima de um terreno financiado e eu fiquei com 50% que me eram de direito, porque éramos casados com comunhão parcial de bens. E os 50% dele, ele doou para o nosso filho. Tínhamos dois carros e eu fiquei com o automóvel mais antigo, o de menor valor no mercado e ainda abri mão da empresa dele de composições. A única coisa que ele assumiu e, eu achei muito digno, foi pagar as dívidas contraídas durante o matrimônio. Até porque eu abandonei a minha carreira de pedagoga para ser agente e cuidar da carreira dele. Hoje, eu não tenho emprego e estou tentando me recolocar no mercado de trabalho. Legalmente, eu tinha direito a uma pensão e meu filho também e eu abri mão para ele poder pagar o que ele se comprometeu. Ele dá sim seis salários mínimos de pensão para o meu filho e eu estou pagando tudo com esse dinheiro porque não tenho de onde tirar”, finalizou a pastora.