Garoto de 11 anos passa mais de 500 dias dormindo ao ar livre para conseguir doações

37
Garoto de 11 anos passa mais de 500 dias dormindo ao ar livre para conseguir doações
Garoto de 11 anos passa mais de 500 dias dormindo ao ar livre para conseguir doações

Max Woosey, um menino inglês de 11 anos, atingiu recentemente a marca de 500 dias dormindo ao ar livre, inspirado por um amigo da família que morreu de câncer, mas antes de partir lhe deu uma barraca e o incentivou a viver uma aventura.

+Xiaomi lança tablet Mi Pad 5 e 5 Pro de olho na Apple
+ Fruta mais mal-cheirosa do mundo pode recarregar baterias
+ Mulher recria em fotos imagens de pin-up plus size dos anos 1950
+ “Ser” é mais importante do que “ter” para a felicidade, aponta pesquisa

Depois de saber que a pandemia da covid-19 havia provocado o cancelamento de eventos para arrecadar dinheiro para unidades de cuidados paliativos (voltadas para pacientes com doenças em fase terminal), Max decidiu que iria começar a dormir ao ar livre para chamar a atenção e obter doações.

Desde então, o jovem se dividiu entre o quintal da sua casa e alguns locais públicos de Londres, tendo passado inclusive o inverno de 2020 dentro de uma barraca. O esforço resultou em mais de 640.000 libras (R$ 4,7 milhões) em contribuições para o centro hospitalar que cuidou do amigo da sua família. Mas ele ainda não planeja desistir da sua vida ao ar livre.