Mesmo condenado na Justiça e com uma pena de 22 anos e três meses de prisão pelo assassinato e ocultação de cadáver de Eliza Samudio, Bruno, que cumpre prisão em regime semiaberto desde julho de 2019, reapareceu em seu perfil do Instagram fazendo propaganda para um canil e gerou revolta nas redes sociais.

Além do problema do assassinato a propaganda foi mais polêmica ainda porque a Justiça acredita que os restos mortais de Eliza, sua ex-amante, foram comidos por cachorros.

Goleiro Bruno aparece fazendo propaganda de canil e gera revolta
Goleiro Bruno aparece fazendo propaganda de canil e gera revolta

+ Como devolver auxílio emergencial recebido indevidamente
+ Vídeo mostra briga entre Dudu e ex-esposa: assista
+ Royal Enfield Himalyan modificada para viagens de longa distância sem estresse

Apesar de no seu perfil, Bruno contar com apoio de muitos dos seguidores, alguns fizeram ressalvas como: “putz Brunão, com cachorro não mano. Sem polemica, meu goleiro”.

O tom ameno dos seguidores do goleiro Bruno não foi o mesmo adotado pela maioria das pessoas no Twitter. “Goleiro Bruno fazendo propaganda de canil. É um deboche!”, afirmou Gloria Perez, escritora de novelas da TV Globo que teve a filha assassinada pelo ator Guilherme de Pádua e sua mulher.