Édouard Philippe. Foto: Instagram
Édouard Philippe. Foto: Instagram

Édouard Philippe, o primeiro-ministro da França, apresentou sua renúncia nesta sexta-feira (3) ao presidente Emmanuel Macron, que a aceitou. A decisão do ex-primeiro-ministro abre a porta para uma mudançado governo francês.

+ Walmart transforma 160 estacionamentos em drive-ins gratuitos
+ Rede de pesca eletrificada pode ter matado filhote de golfinho encontrado em rio
+ 126 mortos devido a deslizamento em mina de Jade, número pode aumentar

Segundo o governo francês, Philippe e a equipe atual continuarão trabalhando até a nomeação de um novo executivo .

Philippe foi eleito nas eleições para prefeito de sua cidade, o porto Le Havre, cargo que ele deve voltar aassumir neste sábado (4).

A reforma do governo foi dada como certa após o segundo turno das eleições municipais no domingo passado.