Arqueólogos encontram tesouro e cidade romana em obra de ferrovia

15
Arqueólogos encontram tesouro e cidade romana em obra de ferrovia

Arqueólogos britânicos encontraram os restos de uma cidade romana desconhecida no canteiro de obras para a construção de um novo trecho da ferrovia de alta velocidade HS2.

+Attack on Titan chega ao Call of Duty
+ Arquivo digital reúne esboços das raízes de 1.180 plantas
+ Americana de 106 anos credita sua longevidade ao Big Mac
+ Fêmea de golfinho tem clitóris e pode sentir prazer no sexo, aponta estudo

A descoberta, revelada recentemente pela empresa operadora da ferrovia, foi feita no Condado de Northamptonshire, próximo da cidade de Birmingham (Reino Unido).

Restos da presença romana na região – que fez parte do Império Romano entre os séculos 1 e 5 d.C. – já eram encontrados desde o século 18. Mas não na dimensão e na qualidade vista agora.

Além do trecho de uma estrada pavimentada com 10 metros de largura, os 80 arqueólogos que trabalham no local há 12 meses encontraram os restos de casas, poços, oficinas de cerâmica, padarias e fundições.

Acredita-se que a cidade era um rico entreposto comercial. Algo que é sustentado pela estrutura física e também por elementos como um tesouro de 300 moedas e produtos luxuosos na época, como recipientes de vidro, joias e até maquiagem.

Os artefatos estão sendo limpos e coletados pelos arqueólogos, que agora trabalham no mapeamento das edificações, com o objetivo de desenvolver uma planta da cidade perdida.