Iluminação de apoio: abajur, arandela, spot ou luminária? Aprenda qual usar!

16
Luminária de mesa no projeto do arquiteto Emerson Basso | Foto de Emerson Rodrigues

Na hora de iluminar a casa, muitas pessoas têm dúvidas para escolher o artigo de iluminação de apoio mais adequado de acordo com o cômodo.

Nesse sentido, cada peça de iluminação de apoio tem uma função diferente no layout do lar, que pode contribuir com a maior funcionalidade daquele espaço. Por isso, as luminárias foram divididas em dois grupos: as principais e as de apoio ou auxiliares.

Vamos explicar as diferenças entre elas e trazer sugestões de peças de apoio. Confira!


Dois tipos de luminárias de piso em madeira, que agregam charme e sofisticação ao décor | Projeto do arquiteto Emerson Basso/ Divulgação: Yamamura/ Fotos: Emerson Rodrigues

Luminárias principais e de apoio

Em nosso dia a dia, nos deparamos com diversos tipos de peças de iluminação. Mas você já parou para pensar a função de cada uma delas? As luminárias principais realizam a iluminação geral do ambiente, como plafons, lustres e pendentes maiores, que em muitos casos fornecem uma luz difusa ou indireta, que se espalha pelo ambiente todo.


Abajur com cúpula em projeto do arquiteto André Viana | Foto de Emerson Rodrigues

Já os modelos de iluminação de apoio também são muito importantes para as atividades de rotina, como leitura, estudos e trabalho, por exemplo, em razão de complementarem a luminosidade em pontos específicos da casa. Dessa forma, várias peças apresentam uma iluminação mais direta e focada, exceto os modelos com cúpulas, que têm uma proposta diferenciada e que visa o relaxamento.

Veja também:

Entre os exemplos das peças de apoio estão: abajures, luminárias de mesa e de piso, arandelas, pendentes menores, balizadores, spots e fitas ou perfis de led (os três últimos, a depender do modelo e posição escolhidos). O tamanho do espaço, assim como o gosto pessoal do morador, vai determinar a quantidade de pontos de luz auxiliares e a localização de cada um deles.


Pequenos pendentes em um projeto de barzinho, do arquiteto André Viana e, também, na cozinha da arquiteta Pati Cillo | Fotos de Emerson Rodrigues

Cômodo a cômodo

Todos os espaços podem receber as luminárias de apoio, porém em cada um deles o seu uso será de acordo com as necessidades. Por isso, indicamos algumas peças que combinam com cada ambiente.

Veja também:

Para a sala de estar, as luminárias de piso ou arandelas podem ser colocadas ao lado de sofás, poltronas ou mesinhas laterais, especialmente para os momentos leitura. No caso do home office, as luminárias de mesa devem ser usadas atrás ou ao lado dos monitores, mantendo sempre uma distância mínima para evitar reflexos e ofuscamentos. Os spots, balizadores e fitas de led têm a função de iluminar áreas de circulação para contribuir na visualização de caminhos e detalhes da decoração. Além disso, perfis ou fitas de led podem ser embutidos em móveis da cozinha, enquanto que os spots podem iluminar bancadas e armários.


Arandela no hall de entrada e balizadores no corredor, em projeto do arquiteto Emerson Basso | Fotos de Emerson Rodrigues

Para os quartos, as sugestões são abajures, arandelas, luminárias de piso, spots com lâmpadas R-70, delicados pendentes acima das mesas laterais, além de fitas de led (que podem ser colocados em cortineiros ou atrás de cabeceiras) e spots (para iluminar o guarda-roupa). Essas são escolhas perfeitas em busca de um ambiente mais convidativo para uma noite de sono reparadora e um cômodo mais organizado. Para o descanso, dê preferência a peças com cúpulas, pois oferecem mais conforto visual.


O banheiro apresenta um pequeno pendente e também uma arandela, ambos laterais | Projeto de Emerson Basso e foto de Emerson Rodrigues

Geralmente, em banheiros e lavabos, a iluminação projetada no espaço é proveniente somente do teto. No entanto, existem luzes mais indicadas para rotinas como fazer a make-up, a barba ou limpar a pele. A luz que vem de cima cria sombras no rosto, fato que não favorece essas atividades. O ideal é sempre contar com uma luz de apoio frontal ou lateral, que pode ser instalada em paredes ou no próprio espelho, a exemplo das arandelas e dos espelhos com led integrado.

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site www.decorstyle.ig.com.br