Malware pode enganar usuários de iPhone com falsa reinicialização; entenda

23
Malware pode enganar usuários de iPhone com falsa reinicialização; entenda

Especialistas em segurança digital da ZecOPS demonstraram a existência de um novo método para enganar os usuários de iPhone por meio de uma falsa reinicialização do smartphone.

+Paolla Oliveira e Diogo Nogueira posam com cachorro e brincam: “Seguimos na tentativa”
+ Fazendeiro usa óculos de realidade aumentada em vacas para aumentar produção
+ Piloto de Fórmula 1 virtual é contratado por equipe de F2 real
+ Brasileiros lideram ranking de mais tempo no celular

Chamada de NoReboot, a técnica permite que malwares continuem funcionando no aparelho. Para isso, é usado um cavalo de Troia que mexe com o processo de reinicialização. Algo que, normalmente, é capaz de remover qualquer malware do celular.

O celular infectado passa apenas a simular o processo de reinicialização, exibindo inclusive a tela de boot.

Mesmo em uma tentativa de reinicialização forçada, o malware faz o celular fingir o sucesso da operação para que o usuário solte os botões antes de conseguir completar a operação de fato.

Enquanto isso, sem que o usuário perceba, o aparelho segue funcionando normalmente. O que, em teoria, permite que um malware espião siga operando no iPhone da vítima.