Thais Carine Oliveira, modelo plus size e integrante do Movimento Vai Ter Gorda, de 29 anos, morreu na segunda-feira (15) após complicações da Covid-19.

+ Tuane Rocha, musa do Carnaval encontrada morta lutava contra a alopecia (queda de cabelo)
+ BBB 21: Arthur lamenta saída de Projota e dispara: ‘eu sou o próximo’
+ Sabine Schmitz, piloto e apresentadora do Top Gear morre aos 51 anos

Modelo plus size Thais Carine, morre de Covid aos 29 anos. Foto: reprodução Instagram
Modelo plus size Thais Carine, morre de Covid aos 29 anos. Foto: reprodução Instagram

A modelo foi diagnosticada com o novo coranvírus há cerca de um mês e estava na UTI do Hospital Ernesto Simões, em Salvador (BA).

O Movimento Vai Ter Gorda confirmou a morte da modelo em um post do Instagram. “Hoje o céu recebe essa estrela que nos deixa! A família Vai Ter Gorda está em prantos! Nossos sentimentos a toda família, esposo, filhos e amigos!”, diz a publicação do movimento.

Thais Carine era casada e mãe de dois filhos. Também nas redes sociais, o marido dela, Fabiano de Moraes, prestou homenagem à modelo. “Você é minha vida, meu coração, minha princesa de marido. Obrigado pelos nossos filhos, pela nossa casinha, por me apresentar Jesus Cristo, por me dar alegria, por me fazer feliz. Descanse em paz. Cuidarei dos nossos filhos. Te amo muito”, afirmou.

O Esporte Clube Bahia, o time do qual Carine era torcedora também prestou uma homenagem à modelo.